LITERATURA ARARIENSE: nosso patrimônio intelectual



Literatura é a arte de compor escritos artísticos, em prosa ou em verso, de acordo com princípios teóricos e práticos, o exercício dessa arte ou da eloquência e poesia. A palavra Literatura vem do latim "litteris" que significa "Letras".

Assim como a música, a pintura e a dança, a Literatura é considerada uma arte. Através dela temos contato com um conjunto de experiências vividas pelo homem, sem que seja preciso vivê-las. A Literatura é um instrumento de comunicação, pois transmite os conhecimentos e a cultura de uma comunidade. O texto literário nos permite identificar as marcas do momento em que foi escrito. As obras literárias nos ajudam a compreender sobre nós mesmos e sobre as mudanças do comportamento do homem ao longo dos séculos e, a partir dos exemplos, ajudam-nos a refletir sobre nós, sobre a nossa existência.

O nosso intento aqui é enfatizar a Literatura Arariense. Em Arari, a arte de escrever é muito rica. Tivemos, e temos, notáveis escritores (poetas, romancistas, biógrafos, cronistas, contistas, ensaístas, cordelistas...).

Abaixo, primeiramente, relaciono os eminentes escritores do nosso torrão arariense de outrora, com suas respectivas obras, a saber:

Clodomir Brandt e Silva

1) Escritos sem Ordem – 1ª a 6ª séries;

2) Assuntos Ararienses – 1 e 2;

3) Famílias Ararienses – 9 volumes;

4) Família Brandt;

5) Folha Miúda, Minha Dor;

6) Os Caminhos de Silvania;

7) Arnaldo;

8) A Semente Que Cresceu Entre Espinhos;

9) Luzia dos Olhos Verdes.

José Raimundo Soares

1) Ressonância de Ecos;

2) Um Sonho da Colheita de Outono.

José Silvestre Fernandes

1) Cartilha das Crianças;

2) Primeiro Livro das Crianças;

3) Segundo Livro das Crianças;

4) Geografia (Séries e Admissão);

5) Matemática das Crianças – 1ª a 4ª séries;

6) A Baixada Maranhense – Ensaio de Geografia;

7) O Semi-deltas do Noroeste do Maranhão – ensaio de Geografia.

Thiago José Fernandes

1) Ascensão de Um Tartufo.

Zuleide Violeta Fernandes Bogéa

1) Cartilha de Luís.

Raimundo de Sousa Fernandes - Caiçara

1) Publicou um conto sobre a origem do Lago da Morte. Além de ter escrito dezenas de epístolas. Caiçara era um exímio escritor de cartas.

Atualmente, a literatura arariense continua rica em publicações dos mais diversos gêneros. Decerto, Arari é uma das cidades do Brasil, sem falsa modéstia, apesar de ser uma cidade pequena, onde mais se escreve e lança-se livros. Uma média surpreendente de dois livros lançados por ano. A seguir, catalogamos cada escritor arariense da atualidade com suas respectivas obras. Notáveis escritores, sim. Verdadeiros mestres na arte singela da escrita. Um patrimônio literário de causar-nos orgulho. Começamos com José Fernandes, que, para este pesquisador, dono deste artigo, é o maior escritor ainda vivo da nossa terra. Uma das mentes mais produtivas que possuímos. Uma singela homenagem a este notável escritor arariense. Eis a lista:


José de Ribamar Fernandes

1) Poemas de Início - poemas;

2) Caminhos da Alma;

3) Eclosões (Co-Autoria);

4) Crônicas Ararienses - crônicas;

5) O Educador Silvestre Fernandes - Biografia

6) A Representação Paritária na Justiça do Trabalho;

7) Portal do Infinito;

8) O Rio - relatório de expedição geográfica;

9) Gente e Coisas de Minha Terra - crônicas;

10) Ao Sabor da Memória - memórias;

11) O Universo de Padre Brandt – Biografia;

12) Canto Telúrico – poesias;

13) Arari em Cordel – cordel;

14) A Indústria Gráfica no Maranhão – ensaio;

15) A Maçonaria no Maranhão – ensaio.

João Francisco Batalha

1) Candidatura à Intendência -1919;

2) Família Batalha;

3) Família Prazeres;

4) Navegadores do Mearim e os Marítimos do Arari;

5) Mearim: Vida e Morte de Um Gigante;

6) Passageiro da Aurora – Pe. Brandt Prós e Contras;

7) Um Passeio Pela História de Arari – História (1ª e 2ª Edição);

8) Arari, maçons e maçonaria – ensaio.

Hilton Mendonça Corrêa

1) Odylo Costa, Filho;

2) Poetas Brasileiros de Hoje 1987 – Vários Autores;

3) Alguns Poemas Brasileiros – Vários Autores;

4) Poetas Brasileiros de Hoje 1989 – Vários Autores;

5) Julgados do Tribunal Trabalhista do Maranhão;

6) Julgados das Turmas Recursais do Maranhão;

7) Justiça Gratuita;

8) Alvorecer Intelectual – Literatura diversa;

9) Uma Ação Rescisória de Matar: TJ e STJ - Romance.

Nerly Vale Cutrim

1) Passageiro do Tempo;

2) Prelúdio para Nicolle;

3) Águas do Mearim - Poesias.

Éden do Carmo Soares

1) Peixes do Mearim – Científico e Ambiental.

Manira Aboud Santos

1) Educação e Democracia no Governo de São Paulo – Tese de Doutorado – Tese de Doutorado.

José Silva

1) Minhas Poesias – Escritos Inquietos - Poesias.

Herculano Ericeira Coelho (in memoriam)

1)Rebelião dos Poemas – Poemas.

Cleilson Fernandes

1) Diálogo com o Pai – Teologia;

2) Poesia Arariense – Vários autores.

José de Ribamar Brito – Zequinha Brito

1) Dramas das enchentes;

2) Mensageiro da vaidade – vol. I e II;

3) Mensageiro de Arari e os candidatos na Barragem - vol. I, II, III, IV e V;

4) A vida do Padre Clodomir da Cidade de Arari;

5) Sonhos de ilusão fazem alguém chorar. (Todos os trabalhos publicados pelo "poeta do povo", Zequinha Brito, são em literatura de cordel).

Edina Bezerra

1) Retalhos de Uma Saudade – Poesia de Cordel;

2) Retrato de Mulher – Romance;

3) Valores Branditianos, um tesouro a preservar – Biografia;

4) Quimera – Romance.

James Cláudio

1)Chamas que não queimam – Poesias.

Sydenilson Santos

1) Caçador de Ilusão – Poesias;

2) Linhas de um Caderno Antigo – Poesias.

Francisco Ribeiro Júnior (Ribeiro Júnior)

O Violino Íntimo das Palavras – Poemas.

Marise Ericeira

1)Raízes de Arari – História e Genealogia.

Marcelino Chaves Everton

1)Crônicas de Um Arariense - Crônicas.

Dinacy Mendonça Corrêa

1) Um Cordel Para São Benedito – cordel;

2) O Teatro na Obra de Ferreira Gullar – (parceria) – teatro;

3) Odylíada;

4) Viana Maranhão: inventário histórico – ensaio histórico.

José Maria Costa

1) Sermão Vermelho – Teatro;

2) Água com bacuri – Romance;

3) Rua de Beira – poemas;

4) Luciana - Romance;

5) Avenida Arari – crônicas, memórias e poesias;

6) Poesia Arariense – Poesia – Vários autores.

Aurilene Chaves

1)A Força de um sonho – Autobiografia.

Adenildo Bezerra

1) Arari: espaço e sociedade - ensaio;

2) Poesia Arariense – poesias – Vários autores.

Caiçara Filho

1) Delírios – poemas.

Manoel Messias

1) Arari, cenário de minha infância – memórias.

Antônio Rafael da Silva

1) Malária: Fotografia de uma crise no setor da saúde – ensaio;

2) A Colonização Agrícola de Buruticupu – A história contada por quem a viveu – ensaio.

Ana Silvia Rodrigues de Sousa

1) Prisão Feminina – ensaio;

2) Magia – poesias;

3) Refém no Cárcere – ensaio.

Horácio da Graça de Sousa Filho (in memoriam)

1) Retalhinhos de Terra Viva - poemas.

Breno Medeiros

1) Partícula de Deus – poesias;

2) Flores na Estrada - poesias.

Francyo Dias

1) No Limiar da Ilusão – poesia;

2) Poema de Efeito – poemas;

3) Versos ao Ocaso – poesias.

Carneiro Sobrinho

1) Alguém Como Nós – Biografia – (homenagem a José Fernandes)

Isidoro Filho, Domingas Licá e Alunos do Colégio Arariense (2003)

1) Breve Histórico da Educação no Brasil, no Maranhão e em Arari.

Manuel Aparecido C. Araújo e Alunos do Colégio Arariense (2002)

1) História e Vida de Arari.

OBS.: (Assim que novos livros forem publicados por autores ararienses, a lista acima será atualizada).

REFERÊNCIA

MENDONÇA, Hilton. Alvorecer Intelectual. São Luís, Mendonça Livros, 2004.

Destaque
Tags

 2017. Adenildo Bezerra. Todos os direitos autorais reservados. 

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W